Após o rompimento do vínculo conjugal, seguimos com o (a) outro (a) o eterno vínculo parental. E o que isto significa? Significa que seguiremos pais dos nossos filhos, ainda que a relação enquanto casal tenha sido extinta. Saber conduzir a parentalidade de forma mais saudável, com menos culpa, menos rancor e melhor direcionamento, faz com que os nossos filhos sejam poupados de dores e traumas desnecessários. E o melhor: estaremos dando o exemplo de que as relações podem ser conduzidas através do afeto, ainda que terminadas.
Este Manual foi idealizado com o objetivo de ajudar muitas famílias a encontrarem respostas práticas e de forma exitosa, superarem e crescerem nesta visão de divórcio bem sucedido.
Dica, relatos, instrumentos de auto percepção, soluções para situações corriqueiras de conflito entre pais separados são trazidas para provocar este pensar: quem eu sou nessa nova maternidade/paternidade? E qual a melhor forma de ser?

Autor: Paula Britto

Páginas: 118
ISBN: 978-65-5656-129-5
Largura: 14 cm
Altura: 21 cm
Editora: Editora Albatroz

    • Encontre por Idade: Para Pais Para Profissionais

ISBN: 978-65-5656-129-5
Largura: 14 cm
Altura: 21 cm
Editora: Editora Albatroz

Comentários

Este produto ainda não foi avaliado. Seja o primeiro a comentar.

Todos os comentários

Último produto visto

  • Livro: Manual para Pais Separados 

    Livro: Manual para Pais Separados